Segunda, 21 de Junho de 2021 03:47
093991489267
Saúde COVID-19

Santarém já atinge, em 2021 mais da metade do total de mortes por Covid-19 registrados no ano anterior

Só nestes primeiros 74 dias de 2021 o munícipio já registrou mais de 250 mortes.

15/03/2021 21h10 Atualizada há 3 meses
Por: Tapajós de Fato
Santarém já atinge, em 2021 mais da metade do total de mortes por Covid-19 registrados no ano anterior

 

O número de mortes decorrentes da contaminação pela covid-19 em Santarém cresceu vertiginosamente nos últimos dias quando comparado a todo ano de 2020.

Só nestes primeiros 74 dias de 2021 o munícipio já registrou mais de 250 mortes, o que corresponde a mais de 50% do total de óbitos registrados ao longo do ano de 2020, em que 467 pessoas foram vítimas fatais do novo coronavírus.

Santarém já passou da marca dos 16 mil infectados por covid-19, e ao longo deste ano já chegou a 100% do total de UTI’s ocupadas para tratamento da doença.

Todos os bandeiramentos possíveis para contenção da pandemia já foram decretados para a região em que o município integra (Baixo Amazonas), além de uma série de medidas restritivas, desde toques de recolher, até Lockdown.

Os reflexos da piora no cenário de contaminação, apontados pelo poder público como resultado da presença da variante brasileira do novo coronavírus tida como mais transmissível, são notados nas demandas por pacientes nos hospitais públicos e privados de Santarém.

No momento é tão necessário focar na vacinação para proteger as pessoas e reduzir a circulação do coronavírus e suas várias variantes, quanto, se proteger e reforçar que todos e todas devem fazer a sua parte, lavando as mãos, ou usando álcool em gel, e principalmente, usando máscara para evitar a contaminação.

 

Acesse as redes sociais do Tapajós de Fato: Facebook, Instagram e Twitter.

Acesse ainda o Podcast Tapajós de Fato.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.