Segunda, 21 de Junho de 2021 03:58
093991489267
Amazônia Amazônia

I Festival Internacional de Cinema Indígena da Amazônia

O Festival tem como objetivo geral incentivar a produção e formação indígena no cinema.

05/05/2021 13h13 Atualizada há 2 meses
Por: Tapajós de Fato Fonte: Assessoria de comunicação do AVA Amazônia
I Festival Internacional de Cinema Indígena da Amazônia

O I Festival Internacional de Cinema Indígena da Amazônia tem como objetivo geral fomentar a produção e formação indígena no cinema, através de um espaço inédito de pesquisa, diálogo, conexão e desenvolvimento entre os povos indígenas e a população nāo-indígena Amazônida.

Compreende todos os 9 países onde se estende a Floresta Amazônica, e terá sua 1° edição online, através da transmissão da mostra de filmes na plataforma streaming do site. Toda a programação de produções contemporâneas de cinema indígena brasileiro e internacional ficarão disponíveis para o público geral de forma gratuita no site oficial do projeto durante todo o período do Festival.

O LANÇAMENTO

Um evento virtual que terá como palco principal o Mangal das Garças e reunirá os curadores da mostra, colaboradores e educadores envolvidos para dar voz à iniciativa em uma transmissão ao vivo. Contando ainda com a participação de todos os apoiadores indígenas e representantes de etnias envolvidas através de depoimentos gravados, para garantir a segurança e preservar a saúde e bem estar de todos seguindo as normas de prevenção e proteção.

RESGATE CULTURAL

Nesses depoimentos serão abordados quais instrumentos culturais ancestrais os povos têm utilizado para superar o Covid, através do registro de relatos de xamās das aldeias, promovendo o resgate do pajé, figura tão importante na nossa cosmologia Amazônica.

Ava Amazônia 2021

FUNDO CINEMATOGRÁFICO INDÍGENA

Durante o evento será gerado um QR code/ Pix para a criação do Fundo permanente cinematográfico indígena da Amazônia, que vai angariar doações para a distribuição de equipamentos para produção audiovisual e conexão à internet nas aldeias interessadas.

Após a estreia, quem quiser ainda poderá contribuir na página de transparência das doações, que será detalhada e de fácil acesso, com funcionamento similar às “vaquinhas” virtuais onde o público escolhe o valor da sua contribuição em troca de uma recompensa. Os doadores poderão escolher recompensas como: produtos do festival e a possibilidade de plantar uma árvore na Amazônia através do apoio às associações de reflorestamento.

ACESSIBILIDADE

A transmissão do lançamento do Festival contará com uma tradutora de libras durante o evento para garantir a acessibilidade às pessoas com deficiência auditiva. Assim como legendas em todos os conteúdos audiovisuais disponibilizados no site.              

PREMIAÇĀO

O festival será finalizado com a entrega de troféus artesanais simbólicos para cada categoria: longa, média, e curta-metragem, eleitos pelo voto do público e da banca de curadores Amazônidas (indígenas e nāo-indígenas).

PARA ALÉM DO FESTIVAL, UMA PLATAFORMA

Mais do que um festival, a ideia é criar um portal Amazônida de inclusão e conexão à realidade indígena na produção audiovisual, através da formação de uma rede de cultura e educação cinematográfica amazônica. Abrindo espaço para a pesquisa, formação e desenvolvimento de produções audiovisuais genuínas, com o fim de viabilizar o incentivo à preservação da memória dos povos ancestrais da nossa floresta através de obras auto biográficas.

O CINEDUCA

Será criado um portal dentro da plataforma do site para o fomento da uma rede de cultura e educação cinematográfica amazônica inédita.

Ali será disponibilizado conteúdos sobre Cinema e Educação através de vídeo aulas de formação básica e prática, artigos, livros de domínio público e de instituições universitárias, assim como indicações dos mais diversos tipos de conteúdo, livros e materiais para enriquecer a pesquisa e produções locais.

Criando um espaço exclusivo à Amazônidas (indígenas e nāo-indígenas) para se inscreverem à este portal, formando uma rede “local” que será alimentada de informaçōes globais sob a luz da troca de conhecimentos, experiências e realizações em uma realidade local gratuitamente.

E assim vamos dar oportunidade, em tempos de isolamento social total, para que eles possam criar narrativas audiovisuais com segurança sanitária dentro de suas comunidades. Usufruindo do acesso à internet para obter as informações necessárias para a criação de conteúdos originais, com os equipamentos e redes doados através do Fundo como meio para contar suas histórias, lendas, saberes, línguas e compartilhar como estão lidando com o isolamento desde a chegada de mais um enorme desafio de sobrevivência: a pandemia.

DIVULGANDO O PROJETO

 Nossa comunicação será feita principalmente através das redes sociais e jornais online, indígenas e não-indígenas. Através da Assessoria de Imprensa, contaremos também com o apoio da mídia televisiva, associações e imprensas locais. Faremos um suporte de mídia completo para garantir que o público geral conheça o Festival e todas as suas iniciativas sociais. Além disso, em parceria com universidades, podemos abrir vagas para estudantes se inscreverem como estagiários/ assistentes do Festival.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.