Segunda, 27 de Setembro de 2021 00:14
093991489267
Saúde Saúde

Saiba como combater o câncer e como manter sua mente saudável durante o tratamento

Existem muitas formas de se prevenir contra o câncer, por isso é sempre importante se manter informado através de campanhas educativas.

04/08/2021 20h05 Atualizada há 1 mês
Por: Tapajós de Fato Fonte: Tapajós de Fato
Saiba como combater o câncer e como manter sua mente saudável durante o tratamento

Nesta quarta (04) é comemorado o dia da campanha educativa de combate ao câncer, uma data criada para chamar a atenção da sociedade para os cuidados com a saúde, ações de prevenção e busca de tratamento adequada para a doença, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA) só neste ano cerca de 600 mil brasileiros devem receber a notícia de que estão com algum tipo de câncer.

 

Para muitos o câncer ainda traz uma ideia de uma doença incurável que já foi um dia, porém, esta realidade mudou, com o avanço da ciência e da medicina muitos meios de prevenção e combate ao câncer foram desenvolvidos trazendo a esperança para aqueles que possuem a doença.

 

Coordenadas pelo INCA, as campanhas educativas partem da concepção de que o controle do câncer repousa sobre dois pilares: a prevenção, por meio da utilização de exames específicos para cânceres evitáveis e da adoção de hábitos saudáveis, que reduzem o risco de desenvolver a doença; e o diagnóstico precoce, pois, quanto mais cedo a doença for diagnosticada, maiores serão as chances de êxito no tratamento. 

 

Combatendo o Câncer

 

O Tapajós de Fato conversou com a médica oncologista Angelina Borges, que falou sobre os modos de prevenção e de combate ao câncer.

“O câncer é uma doença que muitas vezes pega as pessoas de surpresa e dá a impressão de que é quase impossível de se evitar, devido a sua quantidade de variações, porém, há sim um meio de se evitar doenças como o câncer, através de algumas ações”.

Entre essas recomendações citadas pela médica, estão: 

  • Não fumar; 

  • Consumir uma alimentação saudável de proteção contra o câncer; 

  • Manter o peso corporal adequado; 

  • Praticar atividades físicas; 

  • Para mulheres que tiveram filhos, amamente, pois, a amamentação até os dois anos ou mai protege as mães contra o câncer de mama e as crianças contra a obesidade infantil; 

  • Mulheres entre 25 e 64 anos devem fazer o exame preventivo do câncer do colo do útero a cada três anos; 

  • Vacine contra o HPV as meninas de 9 a 14 anos e os meninos de 11 a 14 anos; 

  • Vacine contra a hepatite B; 

  • Evite a ingestão de bebidas alcoólicas; 

  • Evite comer carne processada; 

  • Evite a exposição ao sol entre 10h e 16h, e use sempre proteção adequada, como chapéu, barraca e protetor solar, inclusive nos lábios; 

  • Evite exposição a agentes cancerígenos no trabalho; 

 

Angelina recomendou ainda a todas e todos a fazerem exames de rotina, pois a descoberta no início da doença aumenta grandemente a chance de recuperação.

 

Como manter a saúde mental ao descobrir um câncer

 

Ao descobrir uma doença como o câncer, as pessoas geralmente ficam muito abatidas, pois, se vêem sem saída e isso atrapalha bastante o tratamento.

A psicóloga Luanna Silva conversou com o Tapajós de Fato e falou sobre como um diagnóstico de câncer pode afetar a vida de alguém “uma doença como o câncer tira o chão de uma pessoa, a humanidade tem esse sentimento universal de vida eterna, e receber o diagnóstico de uma doença como essa tira todas as certezas e planos deixando a pessoa a mercê de seus medos”.

Luanna fala também sobre como informar uma pessoa sobre um diagnóstico positivo e aconselha a se ter sensibilidade, pois, em momentos assim duas notícias serão dadas, uma sobre uma enfermidade e a outra sobre o tratamento e o caminho a seguir para a cura, sendo que a última deve ser enfatizada dando esperanças para quem estiver recebendo a notícia.

A psicóloga fala também sobre a importância do tratamento psicológico nesses casos e como as pessoas próximas devem agir para fortalecer a pessoa querida que estiver triste com diagnóstico positivo “pode ser que em alguns momentos existe tanto medo reunido com o cansaço de tudo no processo da doença que tira as forças da pessoa, por isso em todos os momentos o acompanhamento psicológico é importante, não só para a pessoa que estiver envolvida com a doença como também para aqueles que estiverem ao lado dessa pessoa e a ama.”

 

Uma história de superação

 

Zenildes Gomes, mora em Santarém e é dona de um estabelecimento que vende pastel juntamente com sua filha, em 2018 depois de uma queda no banheiro, ela bateu sua mama direita no vaso, o que lhe deixou com muitas dores, após esse acidente, ela foi até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) por suspeitar de alguma fratura na costela. Após a persistência da dor, Zenildes fez mais exames que identificou um câncer na mama ainda no início. Crente em Deus, ela viu nisso um milagre, pois, é possível que se não fosse pelo acidente, o diagnóstico não fosse feito tão cedo aumentando assim as chances de cura.

Para Zenildes receber aquele diagnóstico foi como uma sentença de morte, ninguém nunca está preparado para receber uma notícia como essa, e assim foi com ela. Porém, mesmo que isso a tenha abatido, ela procurou se informar mais sobre a doença, com o câncer ainda pequeno, ela não conseguia nem apalpá-lo, mesmo assim, em suas noites em claro ela lia sobre a doença e procurou ajuda sobre como se tratar.

Ao mesmo tempo, como uma mulher de fé que é, colocou toda sua confiança em Deus, e através de suas orações ela foi encontrando a força que precisava para enfrentar aquele difícil momento, e com a ajuda de sua família e amigos foi em busca de tratamento para a enfermidade.

Através de vários tratamentos, com a ajuda de médicos e de todos que cuidaram dela durante o tratamento, e com muita perseverança, Zenildes conseguiu se curar do câncer e sua vida mudou totalmente.

Ela conta que depois dessa experiência, começou a cuidar melhor de sua saúde, melhorou sua alimentação, se precavendo contra outros tipos de câncer, Zenildes também passou a valorizar mais a vida e aqueles a quem ela ama, se tornou mais grata e além de se importar mais em ajudar aqueles à sua volta, sua fé se fortaleceu ainda mais.

 

E hoje ela é um grande exemplo de que o câncer é sim uma doença curável e que é possível vencê-lo com o tratamento correto e com prevenção.

 

Acesse as redes sociais do Tapajós de Fato: FacebookInstagram e Twitter.

 

 Acesse ainda o Podcast Tapajós de Fato.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.