Quinta, 02 de Dezembro de 2021 00:07
093991489267
Saúde Covid-19

Número de casos da Covid-19 na região do Tapajós e Baixo Amazonas ainda é preocupante

Seis municípios do Baixo Amazonas registraram novos casos da doença na última semana, segundo a Sespa.

25/11/2021 16h00 Atualizada há 6 dias
Por: Tapajós de Fato Fonte: Tapajós de Fato
Número de casos da Covid-19 na região do Tapajós e Baixo Amazonas ainda é preocupante

O avanço da vacinação contra o novo coronavírus por todo o país, embora seja lento, vem surtindo efeitos visíveis, reduzindo o número de novos casos e de mortes. No estado do Pará, isso não é diferente, porém, a região do Tapajós e Baixo Amazonas apresentou, especialmente no último mês, alguns números preocupantes.

 

Só nesta semana, por exemplo, 4 servidores da Escola Indígena Borari, em Alter do Chão, testaram positivo para a Covid-19. Além desses, há uma pedagoga em monitoramento, e outros três professores que apresentaram sintomas gripais, forçando a paralisação das atividades da escola até o dia 3 de dezembro. 

 

Além disso, segundo a Secretaria de Estado da Saúde do Pará, os municípios de Jacareacanga, Monte Alegre, Óbidos, Rurópolis, Santarém e Terra Santa apresentaram novos casos de coronavírus nos últimos 7 dias. Com isso, o Pará já conta com 606.478 casos confirmados e 16.875 mortes desde o início da pandemia. 

 

Tendo como base o intervalo entre os meses de outubro e novembro deste ano e do ano passado, o Tapajós de Fato reuniu dados de alguns municípios da região do Tapajós e Baixo Amazonas referentes à Covid-19. Confira:

 

  • Em Belterra, considerando o período entre os dias 23 de outubro e 23 de novembro de 2020, houve 5 novos casos; já este ano, no mesmo período, foram registrados 23 novos casos. O número de mortos não se alterou nos dois períodos analisados;

  • Em Monte Alegre, que contava com 1.641 casos confirmados em 24 de novembro de 2020, hoje há 5.710 casos confirmados - uma diferença de mais de 4.000 casos em 1 ano;

  • Oriximiná apresentou 9.305 casos confirmados no dia 24 de novembro deste ano - aumento de 3.747 casos em relação ao mesmo período de 2020;

  • Em Santarém, entre os dias 24 de outubro e 24 de novembro, foram registrados 919 casos e 23 mortes; no mesmo período deste ano, os números cresceram para 1.240 casos e 25 mortes.

 

Tendo em vista o aumento no número de casos e óbitos no último mês, em comparação com o mesmo período de 2020, a vacinação é importante e a forma mais eficaz de frear a contaminação e o surgimento de novas variantes do coronavírus. Além disso, é importante continuar mantendo o distanciamento social, evitando aglomerações, inclusive no final de ano, período de festas e reuniões.

 

Acesse as redes sociais do Tapajós de Fato: FacebookInstagram e Twitter.

Acesse ainda o Podcast Tapajós de Fato

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.